O clareamento dental ou dentário, dentes manchados ou amarelados. Como posso melhorar o meu sorriso? A cor e a reabilitação e a estética dos dentes.

Clareamento dental: Entre os vário tipos, de clareamento dentário, utilizamos 2 tipos:

1- Clareamento de dente caseiro:

É feito pelo paciente 1 hora por dia, com uso de moldeiras de silicone, durante, aproximadamente, 12 dias.

2 – Clareamento dental, em uma sessão:

É feito pelo profissional, no consultório, normalmente, em uma sessão.

Obs: usamos um  produto, mais moderno, que existe, com nanotecnologia, tanto no consultório, como o feito em casa. Com isso, conseguimos, um resultado mais rápido, do que os produtos, usando anteriormente.

O que não se pode comer ou beber? Tanto como o clareamento dentário caseiro, como o direto, por luz, deve-se evitar de fumar ou ingerir substâncias corantes, como café, balas, refrigerantes (por exemplo, Coca Cola), a fim de se conseguir manter, esse clareamento, por mais tempo.

Diferenças entre o clareamento dental caseiro e com luz. Qual o tipo de tratamento dentário devo utilizar, para meus dentes ficarem mais brancos?

É o tipo, que é feito pelos artistas ou modelos, por exemplo, em que devido ao seus compromissos profissionais (como para uma sessão de fotos, por exemplo), necessitam de um tratamento eficaz e rápido. Isso não impede, que você possa ter um sorriso branco, da mesma maneira, que os artistas fazem.

Qual a cor atual de meus dentes…….. Coloque um espelho pequeno, para que veja os seus dentes.

Imagem abaixo: Escala comparativa, de cor, da Vita Vacuum.

Se possível, use uma fonte de luz (de cor branca), que ilumine os seus dentes.

Movimente o espelho de forma horizontal e veja na escala a cor, que mais se aproxima, com a de seus dentes.

Como é feito o clareamento dental, por meio de luz? Ē feito no próprio consultório em 3 sessões de 15 minutos cada. O gel clareador é ativado por uma reação foto-Fenton do peróxido com o ferro. Os compostos do peróxido reagem com o ferro e produzem radicais de hidroxila, que podem ser chamados de “eliminadores de manchas”. A ativação da luz ciclicamente renova o ferro, que continua a produzir radicais de hidroxila, melhorando significativamente os resultados do clareamento.

E o peróxido, não é abrasivo.

Como é feito o clareamento dental caseiro? Esse tipo de tratamento dos dentes é feito através de duas moldeiras, feitas de silicone (uma para cada arcada). Essas moldeiras são obtidas, através de uma moldagem das arcadas. No interior de cada moldeira é colocado o gel clareador e o paciente usa as moldeiras, somente 1 hora por dia, durante 10 a 12 dias.

Após 1 ano, pode-se fazer uma outra aplicação, com menos tempo, para manutenção, se necessário. O gel clareador, para uso caseiro, funciona da mesma maneira do gel para luz. A única diferença, é que não precisa de luz, para a sua ativação.

Como são as moldeiras, para clareamento dental caseiro? Essas moldeiras, são feitas de silicone, em um molde de gesso, das arcadas dentárias, uma para cada arcada (observe o recorte gengival, feito na moldeira, para evitar que o gel entre em contato, com a gengiva):

Moldeiras de silicone.

Clareamento de dentes, feito em casa. Paciente do sexo feminino, foi feito, com moldeiras de silicone (foto acima). A cor inicial era A4, e no final do tratamento, chegou a cor A1 (Veja escala de cor, acima).

A paciente foi orientada, a usar as moldeiras, uma hora por dia, durante 12 dias. 

Perguntas e respostas. 1) Qual a idade que posso clarear, os meus dentes? É aconselhável que o clareamento seja feito, só a partir de 16 anos.

2) Posso fazer, sem o acompanhamento do dentista? Nenhum tratamento deve ser feito, sem acompanhamento do profissional. Pode prejudicar, os dentes.

3) O dente fica enfraquecido? Não, a estrutura dentária não é afetada.

4) O clareamento dos dentes, altera as obturações, já existentes? Não, a cor das obturações, não mudam. O paciente deve ser informado, que talvez tenha que trocar as restaurações existentes, pois elas não sofrem ação dos clareadores e parecerão mais escuras após os dentes serem clareados, causando desarmonia estética.

Também, devemos proceder a limpeza e polimento dos dentes, pelo menos, dois dias antes de se fazer o clareamento.

5) Quais são as contra indicações? Deve-se evitar o tratamento em gestantes e lactantes, pacientes que apresentam reação alérgica comprovada ao produto. Estes devem descontinuar sua utilização. 

6) Que tipos de alimentos ou bebidas, se deve evitar, depois de clarear os dentes? Normalmente deve-se evitar, alimentos com corantes (balas, refrigerantes, como Coca Cola, por exemplo) e café. Deve-se evitar também, o uso de cigarros.

Pode-se fazer outra aplicação, caso a cor se modifique, após um ano.   

Como devemos tratar dos dentes? O que é a reabilitação oral. 

Visa restabelecer ou corrigir a forma, posicionamento e o equilíbrio estético e funcional dos dentes. 

Além do planejamento de um tratamento, que visa alcançar o objetivo pretendido pelo paciente, que geralmente é ter um sorriso de boa aparência, deve-se pensar antes, na parte funcional dos dentes, para proporcionar a ele uma boa fonação e mastigação dos alimentos.

Também, deve-se procurar alcançar um perfeito equilíbrio dos dentes, músculos e articulações; devendo para isso, quando necessário, reavermos antes da reabilitação oral, esse equilíbrio, através do tratamento da ATM (ou DTM), a fim de eliminarmos sintomas relacionados, como tontura, enjoo, estalos ou zumbidos no ouvido, chamados de labirintite, dor de cabeça, e hábitos como o bruxismo ou briquismo, por exemplo.

Atualmente, já existem materiais estéticos que substituem os blocos de metal. Esses materiais resinosos e também as porcelanas usadas hoje em dia, têm a mesma resistência dos dentes naturais, favorecendo o desgaste fisiológico.

Comparação de uma obturação de amálgama e um bloco de resina sem metal 

Também hoje existe as facetas laminadas, usadas em dentes anteriores, para conseguirmos melhorar, a forma e a função mastigatório, promovendo assim, uma melhor estética dental e as lentes de contato dentais, usado nos casos que, precisamos corrigir a estética, a forma e a cor, dos dentes (o desgaste dos dentes, são mínimos).

Como deve ser feito o tratamento, de reconstrução dos dentes? É o cirurgião dentista que deve, após um exame completo (através do exame clínico, radiografias, fotos e modelos dos dentes), dialogar com o paciente, quais são as possibilidades de reabilitações indicado, para ele, quais as opções de materiais e tratamentos (como implantes e ortodontia, por exemplo) que podem ou não ser utilizados, para esse paciente e que possa ser acessível, a ele.

Antes do tratamento feito nos dentes superiores 

Depois do tratamento. Recuperou a auto estima.

Por isso, temos de ouvir atentamente, quais são as suas expectativas, em relação a esse tratamento (o que ele espera conseguir, em termos de estética e funcionalidade, dos dentes).

Vale também, esse importante diálogo, entre o profissional e paciente, na hora da escolha e na tomada de cor dos dentes (curiosidade: normalmente a mulher tem mais visão, das diferentes matizes de cores e comparações, do que o homem).